Do Yoga a parte mais conhecida aqui no Ocidente são os asanas, os exercícios físicos. Praticar Yoga virou sinônimo de adquirir um excelente preparo físico. E realmente a prática regular de asanas propicia bom tônus muscular, adquirindo o praticante força e alongamento.

Em função desse excelente trabalho muscular, Yoga vem sendo indicado por médicos no tratamento e prevenção de muitas doenças, principalmente aquelas relacionadas a problemas posturais e articulares.

Yoga também é associada a relaxamento. Neste mundo tão desgastante em que vivemos, cheio de desafios a serem superados diariamente, muitos freqüentemente têm vivenciado sintomas de estresse. Nos casos mais graves o acompanhamento médico é essencial. E é a própria Medicina que vem atestando e recomendando Yoga para diminuir o grau de ansiedade e nervosismo. Simplesmente pelo fato de se perceber a respiração, já temos uma diminuição no estresse. Através de exercícios específicos de relaxamento, o Yoga tem se mostrado muito eficiente neste assunto. Assim, temos aí dois bons motivos para as pessoas praticarem Yoga: obter saúde física e psicológica.

Há também um outro grupo: são aqueles que buscam desenvolvimento espiritual.
O Yoga contém um conjunto de valores que orientam o praticante, dando-lhe segurança para agir dharmicamente no mundo.

Há também os que fazem Yoga sem motivo aparente. Perguntei uma vez a uma aluna: por que você quer fazer Yoga? Ela me respondeu com um sorriso: por que eu gosto. Talvez essa tenha sido a resposta mais sábia que ouvi até hoje.

Enfim, seja qual for o motivo, Yoga faz bem e incentivo que todos pratiquem.

Últimos posts por Aderson Moreira da Rocha (exibir todos)