Durante o mês de janeiro nós tivemos a oportunidade de passar 4 semanas no Arya Vaidya Training Academy, em Coimbatore, sul da Índia, estudando Ayurveda, filosofia Hindu e praticando Yoga. O grupo era formado por 28 brasileiros, médicos e terapeutas, profissionais interessados em participar de um curso de imersão organizado pela Associação Brasileira de Ayurveda – ABRA. Os professores, experientes médicos indianos, foram muito atenciosos e pacientes, estavam sempre bem preparados para responder a todas as nossas perguntas e dúvidas sobre o pensamento e a tradição médica indiana.
Nós destacamos a aula com o acharya Vasudeva, famoso mestre de Ayurveda do sul da Índia, sobre rasayana, a terapia indiana de rejuvenescimento. Durante a aula, o carismático professor, colocou os 3 principais métodos utilizados na tradição indiana para promover vitalidade, rejuvenescimento e longevidade:

  1. Vatatapika – É a metodologia ambulatorial, não há a necessidade de internação, onde o paciente recebe tratamento através de uma rotina diária saudável, dieta equilibrada, uso terapêutico de plantas medicinais, massoterapia com óleos vegetais e práticas de Yoga e meditação para promover vitalidade.
  2. Kuti Pravesika – Esta metodologia exige internação em ambiente controlado, o acharya Vasudeva colocou a experiência com um paciente australiano, de 56 anos, que passou 3 meses internado fazendo o tratamento de rasayana. No primeiro mês foi feito o panchakarma ( terapia depuradora), para eliminar toxinas acumuladas no corpo. No segundo mês aconteceu a terapia rejuvenescedora, onde o paciente recebeu uma dieta especial com leite orgânico ( de uma vaca criada especialmente para o tratamento) e o Chyavanprash, medicamento rasayana, composto de 48 ervas medicinais, que o médico preparou 8 kg  para o paciente utilizar durante a internação. O terceiro e último mês foi formatado para o australiano retornar a sua vida normal, pois é necessária uma adaptação gradual a rotina diária. Os resultados foram excelentes, com crescimento de novos cabelos e rejuvenescimento de cerca de 10 anos segundo o médico.
  3. Kayakalpa – método secreto apenas utilizado pelos iogues e monges no Himalaia. O professor Vasudeva citou o caso, descrito na literatura indiana, de Shriman Tapasviji Maharaj, um iogue e santo do Himalaia, que passou por 3 distintos Kayakalpas, viveu até os 185 anos de forma plena e saudável, servindo seus discípulos e ajudando as pessoas.

O Ayurveda é a filosofia médica indiana que nos permite levar uma vida saudável, equilibrada e em harmonia com as leis da natureza. Acima de tudo é um caminho de autoconhecimento e autotransformação, que é fundamentado na sabedoria dos mestres indianos: “O melhor momento da nossa vida é aqui e agora pois é somente no presente que podemos ser felizes”.

Aderson Moreira da Rocha

Médico de família, reumatologista, acupunturista e especialista em Ayurveda pelo Arya Vaidya Phramacy, tradicional escola de Ayurveda do sul da Índia. Mestre e doutor em Saúde Coletiva pelo Instituto de Medicina Social da UERJ, presidente da Associação Brasileira de Ayurveda e autor do livro “ A Tradição do Ayurveda” pela editora Águia Dourada.

Últimos posts por Aderson Moreira da Rocha (exibir todos)

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *